O incômodo de ACM Neto com João Roma

Publicada em 14/04/2021 às 11:40
Foto: Folhapress

O presidente do DEM, ACM Neto, não consegue esconder o incômodo com o seu ex-braço direito João Roma. Depois de romperem relações quando Roma assumiu o ministério da Cidadania, passou a ser rotina do ministro passar os finais de semana e feriados na Bahia, em companhia de políticos locais. 

No último final de semana, por exemplo, o ministro estave em Camaçari, cidade industrial no interior da estado, ao lado de 20 prefeitos, incluindo do DEM de ACM, para inaugurar uma obra. 

ACM acompanha tudo e já vê Roma como candidato a governador com o apoio do presidente Jair Bolsonaro em 2022. Isso dificulta os planos do presidente do DEM - o outro candidato seria o petista Jaques Wagner, que sairia apoiado por Lula. Seu palanque vai ficando cada vez menor.