“Porra, estamos fodidos!”: o golpe do IRB nos Estados Unidos

Samuel Nunes
Publicada em 18/04/2022 às 17:24
Tentativa de golpe fez despencar preço das ações, depois que Buffett desmentiu compra das ações da IRB Brasil Foto: Reprodução/NBC

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos abriu um processo criminal contra Fernando Passos, ex-diretor financeiro do IRB Brasil Resseguros, acusando-o de fraude. Segundo a denúncia, em fevereiro de 2020 ele mentiu a investidores ao afirmar que o fundo do bilionário Warren Buffett, o Berkshire Hathaway, havia comprado uma grande quantidade de ações da empresa brasileira.

Bastidor teve acesso à íntegra da acusação. A irregularidade foi inicialmente identificada pela Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC, na sigla em inglês). A promotoria diz que a fraude começou no final de fevereiro de 2020, quando uma empresa de análise de riscos apontou problemas na gestão da IRB Brasil, o que derrubou a cotação das ações da empresa. 

Segundo a promotoria norte-americana, Passos deliberadamente montou um plano para inventar a compra das ações por Buffett e divulgou as informações falsas na imprensa.

As notícias chegaram aos investidores norte-americanos e foram confirmadas por Passos em reuniões realizadas com pelo menos cinco pessoas. Com o noticiário animado em torno do IRB, as ações tiveram alta imediata no mercado.

No entanto, depois da divulgação, o Berkshire Hathaway divulgou uma nota em que negou ter comprado as ações e dizendo que nem sequer tinha interesse em investir na empresa brasileira.

A nota do fundo de Buffett caiu como uma bomba entre os funcionários do IRB que produziram a fraude. Em uma troca de mensagens obtida pelas autoridades americanas, um dos funcionários passa uma cópia do texto do Berkshire a Passos, que responde de forma veemente: “Porra, estamos fodidos!”.

Um representante do Berkshire, inclusive, tentou esclarecer junto a Passos o que poderia ter acontecido, mas o executivo brasileiro negou que fosse o autor da plantação na imprensa.

Nos dias que se seguiram, o ex-diretor da IRB Brasil tentou reverter o estrago da nota do fundo de Buffett, mas não conseguiu. O desmentido publicado pelo Berkshire derrubou novamente os preços das ações do IRB, provocando queda ainda mais acentuada nos preços das ações e a consequente perda de investidores não só americanos, mas de outras nacionalidades também.

Cerca de um mês antes da fraude, as ações da IRB Brasil valiam quase R$ 45 cada. Dias depois da nota do Berkshire, o preço despencou para R$ 7,30. Nesta segunda-feira, cada ação fechou o dia custando cerca de R$ 3.

Outro lado

O IRB Brasil informou que não vai se manifestar sobre o teor das acusações contra o ex-funcionário. O Bastidor não conseguiu contato com Fernando Passos. O espaço segue aberto.

De olho em enfrentar Lula em 2026, governador de Goiás espalha campanha que une segurança e negócios

Leia Mais

Fechem a torneira

19/07/2024 às 14:05

AGU pede ao STF suspensão do leilão da Sabesp por conflito de interesses e valor subestimado.

Leia Mais

Desempenho na segunda fase da venda das ações faz da privatização da estatal um sucesso

Leia Mais
Exclusivo

Um erro de 420 milhões

19/07/2024 às 06:00

Perda de prazo da PGFN dá à Dufry e ao advogado Sergio Bermudes precatório de quase meio bilhão.

Leia Mais

Defesa de Duque recorre ao ministro para evitar prisão por corrupção e lavagem na Petrobras.

Leia Mais

Por mim, libera

18/07/2024 às 19:50

Gonet diz que não é possível avaliar com calma a ação do PT contra a privatização da Sabesp.

Leia Mais

TSE muda de ideia e decide enviar observadores à eleição, o que evita um erro crasso do Brasil

Leia Mais

Expliquem-se

18/07/2024 às 09:07

Salomão pede que TJAL esclareça porque nomeou juízes já conhecidos na falência da Laginha.

Leia Mais

Alphabet foi condenada por concorrência desleal; Meta enfrenta ação bilionária por uso de dados.

Leia Mais

STF dá 24 horas para São Paulo justificar leilão da Sabesp; PT pediu liminar para suspender venda.

Leia Mais
Exclusivo

Gol da Alemanha

17/07/2024 às 19:09

Anac confirma que governo federal ressarcirá prejuízos da Fraport com o Aeroporto Salgado Filho.

Leia Mais

Juízes responsáveis pelo processo de falência da Usina Laginha decidiram que são aptos para o caso.

Leia Mais

Governo oculta dados de acordos da JBS e Marfrig com PGFN para renegociar dívidas com a União.

Leia Mais

Fraport fala que obras no aeroporto de Porto Alegre dependem de acordo com governo federal.


Leia Mais

Eduardo Braga quer alterar no Senado pontos da reforma tributária que foram acertados na Câmara

Leia Mais