Preferida em excesso

Brenno Grillo
Publicada em 22/05/2024 às 13:00
Na foto: Janja, Gabriela, Lula, Emídio de Souza, Marco Aurélio e Alessandra. Foto: Reprodução/Instagram

Pelo menos três desembargadores do Tribunal Regional Federal da 3ª Região estão incomodados com a pressão de figuras petistas em favor da advogada Gabriela Shizue Soares de Araújo. Ela está na disputa para integrar a lista sêxtupla que será enviada ao presidente Lula, para a escolha do novo magistrado responsável pelos processos federais em São Paulo e Mato Grosso do Sul.

O principal cabo eleitoral de Gabriela é seu marido, o deputado estadual petista Emídio de Souza. Fontes que acompanham a disputa disseram que partem dele as principais pressões no TRF3 pela nomeação da companheira.

Emídio ganhou força no PT nos últimos anos, principalmente junto a Lula. O casal foi padrinho de casamento do presidente com a primeira-dama, Janja. Ele é um dos auto-nominados líderes do Prerrogativas, grupo de advogados que faz campanha no Judiciário e, principalmente, no setor privado em favor de Lula e do PT.

Dentro do 'Prerrô', Emídio tem Marco Aurélio de Carvalho como escudeiro na empreitada pela nomeação de Gabriela. O advogado integra o Conselhão de Lula e advogou para a primeira-dama, Janja, amiga de sua esposa, Alessandra.

Amigo do Advogado-Geral da União, Jorge Messias, Carvalho atua nas ações judiciais em que as empreiteiras condenadas na Lava Jato buscam rever as multas impostas pela Justiça pelos crimes cometidos.

Emídio também tem apoio de peso fora do 'Prerrô', e até na direita conservadora. Nos bastidores, o ministro da Justiça, Ricardo Lewandowski, tem defendido a escolha de Gabriela para o TRF-3. Junto a ele está o ministro André Mendonça, do Supremo Tribunal Federal.

Mendonça, o ministro "terrivelmente evangélico", devolve a gentileza que recebeu num passado recente. Foi Lewandowski quem abraçou sua candidatura e chegada de Mendonça ao STF. É possível dizer que o ministro da Justiça fez mais pelo ex-colega de Supremo do que Jair Bolsonaro, presidente que indicou e nomeou o pastor evangélico.

O apoio de Mendonça pode ajudar a reduzir a resistência do TRF3, conhecido por ser uma corte conservadora. Mas muito dificilmente ajudará a melhorar a imagem de Gabriela. Além de a pressão incomodar desembargadores, tribunais costumam deixar de fora de listas os candidatos preferidos pelos responsáveis pela nomeação.

Correção feita às 10h20 de 23 de maio de 2024: Ao contrário do que foi divulgado pelo Bastidor, Marco Aurélio de Carvalho não advoga mais para a primeira-dama.

Advogado ligado a Luiz Marinho ganha força na véspera da votação de duas listas tríplices pelo TRF-3

Leia Mais

Coloca na planilha

17/06/2024 às 19:00

Supremo julga ação sobre previdência, a terceira com impacto no orçamento da União neste mês

Leia Mais

Projeto de renegociação da dívida dos estados é um desastre para o governo federal

Leia Mais

Mudança de posição de ministro do STJ dá chance para Itaú reverter sentença milionária desfavorável.

Leia Mais

Auditorias do TCU mostram que governo não sabe como gasta dinheiro do Minha Casa, Minha Vida.

Leia Mais

Queiroz Galvão, OAS e Brasília Guaíba são condenadas pelo TCU por superfaturarem obras da BR-448.

Leia Mais

Ministro Humberto Martins, do STJ, revê decisão e libera três leilões com bens da Viação Itapemirim.

Leia Mais

Atrasar com calma

14/06/2024 às 17:16

PF some depois de ganhar mais prazo para encerrar inquérito sobre suposta rachadinha de Janones.


Leia Mais

Bolsonaro insiste em ex-policial da Rota militar como vice de Ricardo Nunes em São Paulo

Leia Mais

Sanção ainda traz recomendação de intervenção administrativa e cassação da concessão

Leia Mais

O efeito Toffoli

14/06/2024 às 10:24

STJ livra dois acusados da Lava Jato porque decisão do ministro do STF anulou provas.

Leia Mais

AGU e CGU de Lula firmam acordo de leniência com empresa que admitiu pagar propina a chefes do MDB.

Leia Mais

Marcelo Odebrecht pede que se ignore pedidos da PGR e da Petrobras para suspender anulação de provas

Leia Mais

À espera da PF

13/06/2024 às 17:49

Decisões sobre caso de corrupção e visita do CNJ criam clima de medo no TJ da Bahia

Leia Mais

Líder do partido fica responsável por cuidar de projeto para substituir trapalhada de Haddad

Leia Mais