Banco do Brasil joga duro e frustra venda do Allianz Parque

Arnaldo Galvão
Publicada em 26/03/2021 às 17:15
Foto: WPP/Folhapress

A venda da Real Arenas, controlada pela WTorre, emperrou quando investidores ouviram de executivos do Banco do Brasil que o desconto pretendido não seria dado. Em 2012, o custo da obra era de R$ 435 milhões, com previsão de o financiamento ser quitado no ano que vem.

Sem contar juros e multas pelo não pagamento de parcelas do financiamento, o valor principal já está perto de R$ 1 bilhão.

A Real Arenas é a gestora do Allianz Parque, estádio com capacidade para 43 mil pessoas inaugurado em 2014. Lá o Palmeiras manda seus jogos, mas também eram realizados grandes shows e outros eventos antes da pandemia.

O Allianz Parque informa que não há mais interesse em vender o controle da Real Arenas. O BB não comentou.