O plano B da Câmara para Daniel Silveira

Publicada em 18/02/2021 às 15:07
Foto: Pedro Ladeira/Folhapress

O presidente da Câmara, Arthur Lira, pressiona aliados do deputado Daniel Silveira a convencê-lo a se afastar do mandato. É outra tentativa de eximir a Câmara de se manifestar sobre a prisão dele, caso o Supremo a mantenha após a audiência de custódia.

O principal alvo da pressão é a deputada Bia Kicis, cotada para assumir a Presidência da CCJ, a comissão mais importante da Câmara. Bia Kicis também é do PSL e se dá bem com o deputado preso.

O plano de afastamento é inspirado num caso recente do Senado. Em novembro, o senador Chico Rodrigues foi flagrado pela Polícia Federal com mais de 30 mil reais escondidos na cueca. Ele pediu afastamento e, agora, foi autorizado a voltar.