A maior preocupação de Bolsonaro

Publicada em 15/04/2021 às 16:11
Foto: Pedro Ladeira/Folhapress

A aliados, o presidente Jair Bolsonaro tem dito que sua maior preocupação agora não são a CPI da Pandemia nem a queda de sua popularidade, que acredita recuperar em breve, mas o que fazer com o orçamento deste ano aprovado pelo Congresso.

Bolsonaro está sendo pressionado pelo presidente da Câmara, o deputado Arthur Lira, a sancionar sem vetos a peça orçamentária. Lira chegou a apresentar parecer elaborado por técnicos da Casa para provar ao presidente sobre a sua legalidade, adaptando o orçamento com projetos de leis ao longo do ano.

Contudo, Bolsonaro, que precisa decidir até o dia 22 deste mês, também é pressionado pela equipe econômica. O time de Paulo Guedes diz que o presidente poderá incorrer em crimes que poderão ser usados para justificar um impeachment, a exemplo do que ocorreu com a petista Dilma Rousseff. Guedes já chegou a dizer ao presidente se tratar de uma armadilha política.

Para aliados do presidente, o ministro da Economia toca num ponto sensível a Bolsonaro, para quem todos tramam o tempo todo por sua retirada do poder.