Barroso: "Eleição vai haver, eu garanto"

Diego Escosteguy
Publicada em 09/07/2021 às 17:17
Foto: Pedro Ladeira/Folhapress

Xingado por Jair Bolsonaro, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Luís Roberto Barroso, disse ao Bastidor que não baterá boca com o presidente.

Disse o ministro Barroso: "Como já disse antes, eu não paro para bater boca. Cumpro o meu papel pelo bem do Brasil. Mas eleição vai haver, eu garanto".

Em nota oficial a ser divulgada daqui a pouco, o TSE refuta as acusações "lamentáveis" do presidente da República. "A realização de eleições, na data prevista na Constituição, é pressuposto do regime democrático. Qualquer atuação no sentido de impedir a sua ocorrência viola princípios constitucionais e configura crime de responsabilidade", diz a nota.